Siga o GPI nas redes

contato@sistemadeensinogpi.com.br

CHATGPT e a Inteligência Artificial – IA

20230509202638_[fpdl.in]_um-robo-com-um-homem-de-terno-conversando-com-um-homem-de-terno_843415-433
Fuzileiros Navais Legenda: Marinha divulga edital de concurso público com 1.680 vagas para fuzileiros navais Foto: Marinha do Brasil / Divulgação

Como essas ferramentas tecnológicas afetam o nosso dia a dia saiba mais;

O CHATGPT é um sistema de bate-papo alimentado por uma tecnologia avançada que permite conversas mais naturais entre humanos e chat boots. Sendo assim, os algoritmos de aprendizado da máquina geram respostas personalizadas com base nas perguntas dos usuários. Dessa forma, tornar as interações mais humanizadas e eficazes. Esse aplicativo é uma forma de Inteligência Artificial que pode ser utilizada em diversas áreas, desde atendimento ao cliente até criação de chats para jogos, texto e aplicativos de entretenimento.

Inteligência Artificial, também conhecida como IA ou AI (de inteligência artificial ), é um marco na tecnologia que possibilita que sistemas possam simular uma inteligência semelhante à humana. Essa evolução permite a capacidade de tomar decisões autônomas baseadas em valores que são coletados de grandes bancos de dados. Para melhor entender o que é IA, é importante destacar que é um campo de estudo acadêmico que teve início há algumas décadas, com o estudo dos chamados “agentes inteligentes”. A explicação do termo foi dada pelo professor John McCarthy, em 1956, em uma conferência em Darmouth Colege, como “a ciência e a engenharia de produzir máquinas inteligentes”. Em outras palavras, a IA permite que as máquinas possam pensar de maneira semelhante aos seres humanos, aprender, perceber e tomar decisões com base em informações que são recebidas. Para que isso possa ser possível, é necessário que os computadores tenham acesso a grandes quantidades de dados não processados, além de um processamento eficiente e rápido, que só é possível com bons modelos de dados para analisar e classificar essas informações. Com a evolução desses três pilares – big data, modelos de dados e computação em nuvem – a IA finalmente se tornou viável, sendo capaz de aprender como uma criança: processando e organizando informações para entender objetos, pessoas, padrões e reações de todos os tipos.

A inteligência artificial pode afetar nossas vidas de muitas maneiras diferentes. Algumas dessas maneiras incluem:

Assistente pessoal – Assistentes virtuais como Siri, Alexa e Google Assistant já são comuns em smartphones e dispositivos domésticos inteligentes. Eles podem ajudar a executar tarefas diárias, como fazer compras online, reservar um Uber ou ajustar as temperaturas do termostato.

Tecnologia médica – A IA é usada em diagnósticos médicos que podem ajudar a detectar problemas precocemente, como o câncer. Também faz parte de softwares que monitoram a saúde de pacientes ou até mesmo ajudam em intervenções cirúrgicas.

Transporte autônomo – o setor de transporte vem passando por uma grande mudança. Muitas empresas de tecnologia e automobilísticas estão investindo em tecnologia autônoma para carros, ônibus e caminhões. Isso poderia eliminar completamente a necessidade de um motorista humano.

Marketing personalizado – varejistas e empresas on-line utilizam a inteligência artificial para análises de dados que oferecem uma experiência de compra mais personalizada, com recomendações de produtos específicos baseados em padrões de compras anteriores.

Segurança e vigilância – A tecnologia avançada de reconhecimento facial e de voz faz parte de softwares que aprimoram a segurança de empresas e aeroportos.

Desse modo, a IA já começou a impactar e mudar a maneira como vivemos e interagimos com a tecnologia no nosso dia a dia.

Miguel Vicente

Jornalista

Educação

Olá, caros leitores do nosso Blog GPI! Chegou a época mais encantadora do ano, onde a magia do Natal toma conta de nossos corações e

Leia mais »